Vestibulares de Inverno: novas oportunidades

Você  reclamou bastante por não haver sido aprovado em nenhum dos vestibulares que fez e refletiu muito sobre o assunto. Já tem uma opinião formada. Agora, basta. A questão é olhar para a frente, pois os vestibulares de meio de ano, que a população em geral prefere chamar vestibulares de inverno, estão próximos. São novas oportunidades que surgem e  devem ser aproveitadas.

A esse respeito, há algo bastante interessante a comentar. Alguns candidatos e professores revelam certo preconceito sobre vestibulares de inverno. Imaginam que os cursos oferecidos sejam inferiores aos do final de ano. Não são. Talvez o charme dos vestibulares de final de ano leve muita gente a menosprezar os de inverno. Que há de objetivo nisso? Nada. São meras opiniões nascidas da subjetividade e até da falta de informações. Nenhuma universidade pública ofereceria cursos ruins em vestibulares de inverno, simplesmente porque prezam seu conceito e  imprimem em cada novo curso o selo de qualidade que as caracteriza.

Este é exatamente o caso do Vestibular Meio de Ano da Unesp. Todos os cursos oferecidos levam o selo de qualidade Unesp. O fato de serem oferecidos na metade do ano decorre da própria data de criação dos cursos ou das novas unidades que a Unesp implantou, em seu objetivo de expandir-se para todo o território do estado de São Paulo. A maioria dessas unidades foi criada há quase quinze anos e, portanto, seus cursos já estão muito mais que consolidados e avaliados pela própria universidade. E vêm formando excelentes profissionais. Você já observou bem o mapa da Unesp, que aparece nos manuais do candidato e em sites e textos oficiais da Universidade? Observe bem como a Unesp abraça todo o Estado com suas unidades nos mais diversos municípios. Muitas dessas unidades oferecem cursos no Vestibular Meio de Ano.

Neste ponto, vale lembrar de nossos avós, que nos diziam, quando tínhamos algum resultado ruim nos estudos ou no trabalho: Tenha confiança, rapaz! Não há nada de mal que não venha para bem. Sábias palavras, que podem ser aplicadas ao tema deste artigo. O preconceito com que alguns estudantes e professores julgam os vestibulares de inverno nas universidades brasileiras faz com que muitos candidatos que pretendem prestar o vestibular de final de ano se inscrevam nos de inverno, mesmo sem intenção de matricular-se, caso aprovados. E muitos são aprovados. Isto significa que a própria relação candidatos x vagas é, de fato, muito inferior ao usualmente divulgado. E constitui um fator a mais para estimular aqueles que fazem os vestibulares de inverno com a intenção de matricular-se e fazer os cursos.

Percebeu? A Unesp se expandiu consideravelmente nos últimos anos, e expandiu-se com a intenção de beneficiar cada vez mais estudantes com seus cursos. Se você está realmente decidido a fazer um curso universitário de qualidade, prepare-se, inscreva-se, preste os exames e seja feliz. A obstinação é uma das virtudes dos vencedores.

 

Deixe um comentário