Unesp, a Universidade para todos

Você, candidato a uma vaga no Vestibular Meio de Ano da Unesp, por certo costuma discutir com seus colegas a dificuldade para obter aprovação em vestibulares. São muitos candidatos para um número pequeno de vagas, e isso parece ser um tanto injusto. Deveria haver um número muito maior.

Você está certo a esse respeito e pode encontrar provas disso. Se consultar jornais e revistas dos últimos trinta anos, verificará que uma das principais reivindicações da sociedade brasileira, na voz daqueles que terminam o ensino médio, tem sido a do aumento do número de vagas nos cursos superiores das universidades públicas. No mesmo período se pode observar que houve um esforço verdadeiramente hercúleo dessas universidades no sentido de ir aumentando a oferta de cursos e de vagas, para possibilitar que cada vez mais estudantes brasileiros tenham acesso a um ensino superior gratuito de grande qualidade. Esse aumento, infelizmente, é inferior ao crescimento do número de candidatos.

Nessa perspectiva, vale a pena você conhecer a história da Unesp, fundada em 1976. O aumento da oferta de ensino superior no Estado, que já contava com duas outras universidades estaduais, foi uma das razões de sua criação. A Unesp surgiu da união de faculdades e institutos isolados do Estado e, ao longo de sua história de trinta e seis anos, vem seguindo o princípio de fazer crescer cada vez mais a oferta de cursos e vagas, seja pela permanente criação de novos cursos, seja pela incorporação de outras instituições públicas, seja pela criação de novas unidades em municípios do Estado que ainda não contavam com ensino superior público.

As vagas a que você concorre hoje no vestibular de inverno são produto deste esforço constante da Unesp em oferecer cada vez maior número de cursos e vagas em todas as regiões do Estado de São Paulo. A partir do início deste século, com a criação de novos câmpus em diferentes municípios e de novos cursos, nossa universidade vem dando uma resposta muito eloquente à demanda por vagas. A Unesp tem hoje unidades em 23 municípios paulistas cobrindo o Estado de norte a sul, de leste a oeste. E esse esforço não para. Se você ler os jornais das últimas semanas, verificará que uma nova unidade, em um novo município, São João da Boa Vista, está sendo criada, com a oferta inicial de um curso de Engenharia de Telecomunicações, que já oferecerá vagas no próximo vestibular. O segundo curso, de Engenharia de Materiais, deverá ser oferecido para 2014. Além destes, como já foi menionado em artigo recente, outros cursos de engenharia estarão sendo oferecidos nos próximos vestibulares em outras unidades.

É a Unesp que cresce a passos rápidos, fiel a seu objetivo de ser cada vez mais uma universidade para todos.

 

 

Deixe um comentário