Melhorar, sempre

Em muitas mensagens que recebemos, ficamos felizes com o reconhecimento da qualidade dos exames vestibulares da Unesp. É sempre bom sentir o apoio de estudantes e de professores ao trabalho que fazemos. Mas justamente nesse ponto podem surgir dúvidas como: se os exames são bons, por que mudar? não é perigoso mudar?

Vamos tentar equacionar essas questões. O objetivo da Unesp, ao mudar a concepção de seus exames, que sempre foram reconhecidos como de boa qualidade, é exatamente o de melhorar ainda mais essa qualidade de avaliação. A Unesp adotou, nessa concepção, os Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio e a Proposta Curricular do Estado de São Paulo para o Ensino Médio, importantes documentos de base  para o aperfeiçoamento da educação em nosso país, já que colocam, acertadamente, a Educação como um processo global, unificado, que não se destina a tornar uma pessoa versada nisto ou naquilo especificamente, mas formar o cidadão, o homem integral, o indivíduo que não se volta apenas para si mesmo, mas se sente participante ativo da sociedade em que se insere e do mundo em que vive. Isso vale para a formação no Ensino Médio e vale para a formação no Ensino Superior.

Nesse sentido, o melhor engenheiro não será o estudante que revela saber mais matemática ou física, mas aquele que revela uma formação integral, que se mostra um indivíduo não apenas capaz no que faz, mas capaz de integrar-se ao que outros fazem e a compreender aquilo que outros fazem, ou seja, capaz de ver a dimensão do homem, do humano, nas tarefas mais simples, mais técnicas, mais corriqueiras. Isso vale para todas as profissões. A educação moderna vem revelando a grande importância da multidisciplinaridade e da interdisciplinaridade em todos os níveis do ensino, para formar um novo homem, mais atento a tudo o que o cerca e, por isso, mais capaz de interagir para buscarmos um mundo melhor.  

Deste modo, as mudanças na concepção dos exames vestibulares respondem às mudanças na concepção da própria educação. E a tônica deste processo é esta: é preciso aperfeiçoar sempre: o regular tem de tornar-se bom e o bom tem de tornar-se cada vez melhor.

3 comentários para “Melhorar, sempre”

  1. Pri disse:

    Desculpe-me, mas em outra página tem várias perguntas não respondidas sobre a isenção do vestibular de inverno. A unesp não fornecerá mais isenção apenas redução de 50% e de 75% para os alunos que estão terminando esse ano?
    Então porque não tem essa informação no manual do candidato? Assim ninguém seria pego de surpresa por não ter 105 reais para pagar a inscrição do vestibular e saberia que no máximo teria os 50% (no caso dos que já terminarão o ensino médio antes de 2009).
    Este texto aqui fala em melhorar sempre, melhorar a qualidade da avaliação para selecionar um determinado tipo de aluno, “pois a educação” é um “processo global” ou seja deve ser igualitária e formar “um cidadão que não é voltado para si”, mas nem todo aluno que deseja (sonha) cursar o nível superior tem uma renda financeira que o permita gastar 105 reais em uma inscrição (não é nem na matrícula, é na possibilidade de cursar a faculdade se for bem na prova). Assim vocês já SELECIONARAM pela renda aqueles que vão poder pagar a inscrição e já EXCLUIRÃO os que não poderão e mesmo que o aluno do médio possa pagar um valor reduzido aquele que terminou ano passado não. Onde entra a igualdade nesta nova forma de avaliar o aluno?

  2. Dri disse:

    Resposta para Pri,
    Deixa de chorar e va aluta.
    ESTUDA..
    pra te ajudar
    2009
    SOLICITAÇÃO DE REDUÇÃO DE TAXA (LEI ESTADUAL Nº 12.782/07)
    10 a 13.08 – Exclusivamente pela Internet.

    INSCRIÇÕES
    08.09 a 02.10 – Exclusivamente pela Internet.

    PROVA DA 1ª FASE
    A partir de 21.10 – Divulgação dos locais de exame.
    08.11 – Prova de Conhecimentos Gerais.
    30.11 – Divulgação do resultado e da lista de convocados para a segunda fase.

    PROVAS DE HABILIDADES
    30.11 – Divulgação dos locais de exame.
    06 a 09.12 – Provas (Cursos do Instituto de Artes de São Paulo e da Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação de Bauru).

    PROVAS DA 2ª FASE
    04.12 – Divulgação dos locais de exame.
    20.12 – Prova de Conhecimentos Específicos (Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática).
    21.12 – Prova de Conhecimentos Específicos (Linguagens e Códigos) e Redação.

    2010
    CONVOCAÇÕES E MATRÍCULAS
    29.01 – Divulgação dos resultados e da convocação para matrícula e da lista de espera.
    08 e 09.02 – Matrícula dos convocados.
    10.02 – Confirmação de interesse da lista de espera (exclusivamente pela Internet).
    15.02 – Convocação para matrícula da lista de espera.
    19.02 – Matrícula da lista de espera.
    25 e 26.03 – Confirmação obrigatória de matrícula.

  3. Nick disse:

    Concordo plenamente com a Pri.
    Já estou na Universidade sei que ela é completamente elitista.

Deixe um comentário