Acentuação: sempre é bom lembrar

 

É claro que você já assimilou as regras de acentuação do acordo ortográfico, pois o assunto é muito focalizado nas aulas do terceiro ano do ensino médio e nos cursos preparatórios. Mas não custa lembrar, de vez em quando, alguns casos específicos que podem ter passado despercebidos ou que você acabou esquecendo. Não precisa ficar decorando regras, mas tão somente comparar os exemplos. Então, vamos lá:

 

1) Pôr, forma verbal, deve receber o acento circunflexo, para evitar confusão com por, preposição, que não se acentua. Exemplo: Paulo não quer pôr a cadeira no corredor, porque muita gente passa por ali.

2) Pôde, forma verbal do pretérito perfeito do verbo poder, recebe acento circunflexo, para evitar confusão com a forma do presente do indicativo do mesmo verbo: pode. Exemplo: Paulo não pôde levantar aquele tronco pesado, mas Otávio garante que pode.

3)      A forma verbal tem, presente do indicativo da terceira pessoa do singular, não precisa ser acentuada, mas a forma têm, presente do indicativo da terceira pessoa do plural, deve levar sempre o acento circunflexo. Exemplo: O menino não tem vontade de estudar, mas as irmãs dele  têm.

4)      Os verbos formados com base em ter apresentam diferentes acentos conforme estejam na terceira pessoa do singular do presente do indicativo ou na terceira pessoa do plural. Exemplos: O barril contém vinho e os tambores contêm combustível Um bom filme entretém bastante, mas os palhaços do circo entretêm muito mais. Este filtro antigo retém algumas impurezas da água, enquanto os mais modernos retêm uma quantidade maior.

5)      Assim como no verbo anterior as formas verbais da terceira pessoa do presente do indicativo do verbo vir também são destacadas pela presença ou ausência do acento circunflexo. Exemplo: Os professores vêm e vem igualmente o diretor.

6) O mesmo que ocorre com os verbos formados com base em ter acontece com os verbos formados com base em vir. Exemplo: Este fruto provém da América Central e aqueles provêm da África.

 

Percebeu as sutilezas da acentuação? É bom de vez em quando fazer uma recapitulação e uma comparação dos exemplos, para evitar equívocos. Afinal, o Vestibular Unesp Meio de Ano está chegando e, como vive dizendo o povo, cautela e caldo de galinha… Ou, num dizer mais prático: Seguro morreu de velho. Recapitule sempre.

 

Deixe um comentário