Arquivo de 7 de julho de 2016

Não dê bola para as analogias. Leia o dicionário

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Você, que faz questão de não cometer errinhos triviais, deve tomar bastante cuidado com as analogias, vale dizer, com os lapsos causados por semelhanças entre palavras. Em concursos ou provas, qualquer que seja a matéria, é bom estar sempre alerta para essas semelhanças indutoras de equívocos. Alguns exemplos fornecidos por Rodrigo de Sá Nogueira: você sabe que se deve falar e escrever contrariedade (de contrário) , variedade (de vário), arbitrariedade (de arbitrário), seriedade (de sério), notoriedade (de notório), casualidade (de casual), barbaridade (de bárbaro), hilaridade (de hilário), paridade (de par), pluralidade (de plural), etc. Claro que sabe. Mas, talvez mesmo por saber, algumas vezes pronuncia e escreve hilariedade erradamente em lugar de hilaridade, ou também singulariedade em lugar de singularidade.

Aqui muitas vezes entra a analogia, que faz os candidatos cochilarem. E os corretores de provas sempre estão ávidos por encontrar cochilos. Candidatos distraídos são hábeis em fornecer exemplos, pois, em vez de escreverem espontaneidade, contemporaneidade, momentaneidade, extemporaneidade, idoneidade, que são as formas corretas, escrevem espontaniedade, contemporaniedade, momentaniedade, extemporaniedade, idoniedade, que são formas erradas. Muito cuidado, portanto. É bom dar uma verificada na grafia destas palavras. E de outras que o Blogueiro for recomendando. A língua portuguesa é bela e rica, mas a analogia pode estragar tudo numa prova.

E não esqueça dos seguintes significados menos usuais de cinco palavras acima apresentadas como exemplos:

 

Espontâneo = sem premeditação, sem preparo, sincero

Vário = variado, diverso, diferente

Extemporâneo = que ocorre fora do tempo, inadequado ao tempo, inoportuno

Notório = conhecido por todos, público, manifesto

Hilário = engraçado, que causa riso, que produz alegria

 

Percebeu? Língua é questão de forma e de conteúdo. É preciso dominar esses dois planos para ter um bom discurso. Estude bastante. Mande ver.