Arquivo de 15 de setembro de 2014

Profissional de Educação Física: uma bela carreira

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

O primeiro dia do mês de setembro é dedicado ao profissional de Educação Física.  Em alguns jornais e sites da internet a data foi lembrada, bem como em alguns eventos oficiais. Nem todos, porém, deram a devida atenção a esse fato nem ao que representa.

Na atualidade, a cultura física e esportiva não é mais um fenômeno limitado a algumas categorias de indivíduos, mas a todos, de todas as idades. O profissional de Educação Física vem sendo muito requisitado em nosso país e no mundo inteiro, e isto não apenas em função do grande desenvolvimento da prática de esportes, quer profissionais, quer amadores. Desde fins do século XX até a presente data, a humanidade acordou para o fato de que a atividade física regular é um dos principais fatores da boa saúde para todos os indivíduos. Não cabe, todavia, qualquer forma de improviso. Os profissionais formados por universidades dominam todos os fundamentos teóricos e práticos para orientar os praticantes a um desenvolvimento gradativo e seguro. Sem isso, o esperado benefício pode transformar-se em sério risco.

No Brasil, assistimos hoje a um desenvolvimento muito grande da cultura física. As pessoas se precupam com o corpo, quer em termos de resistência e desempenho, quer em termos de estética. Por vezes, associam-se essas duas preocupações, com os indivíduos buscando as práticas esportivas ao mesmo tempo que a bela aparência de suas linhas corporais. As calçadas, especialmente das praças e locais de recreação, ficam lotadas de pessoas que se dedicam a caminhadas, corridas, exercícios. Muitas prefeituras instalam equipamentos em logradouros públicos. As academias de ginástica e musculação se multiplicam. Tudo isso, evidentemente, é muito bom, é ótimo, significa a instauração de uma mentalidade bastante positiva e a valorização dos profissionais que orientam tais práticas. Estes, aliás, devem ser considerados indispensáveis e insubstituíveis para que os procedimentos físicos sirvam como alavanca a uma maior resistência e saúde.

Houve tempo em que a formação de profissionais nesse campo era vista como limitada aos esportes profissionais e amadores. E, como os esportes profissionais, em nosso país, limitavam-se a dois ou três, com predomínio quase absoluto do futebol, pois os demais eram praticamente amadorísticos, não se considerava a Educação Física uma profissão das mais promissoras. Esse panorama vem mudando bastante, de modo que, hoje, como comentado nos parágrafos anteriores, o profissional de Educação Física é realmente um dos mais requisitados, com um vasto e variado campo de trabalho a sua escolha, inclusive com a possibilidade de tornar-se um empreendedor muito bem sucedido.  Com a realização da próxima Olimpíada no Brasil, de resto, talvez  os governantes finalmente acordem para o fato de que o incremento ao esporte olímpico não representa apenas uma fonte de medalhas para o país vangloriar-se, mas atua como alimentador poderoso de uma concepção voltada para a valorização do corpo, da saúde e da própria vida de todo o povo brasileiro.

Se você escolheu esse campo para prestar seus vestibulares, não tenha dúvidas de que optou por um grande horizonte de possibilidades profissionais, já que a cultura da atividade física, no mundo todo, é um processo realmente irreversível, que só tende a aumentar e intensificar-se e os profissionais da Educação Física são os pilares dessa concepção de vida saudável e prazerosa a todas as pessoas. Felizmente, nesse caminho a humanidade acertou em cheio.